Notícias 21/04/2020 | 23:48por Colin McGourty

MCI, Dia 4: Fabi e Nepo ressurgem e vencem no Armageddon

Fabiano Caruana irá para o confronto de quarta-feira com Magnus Carlsen, com os números 1 e 2 do mundo empatados em 1º lugar, embora isso parecesse improvável, já que Fabi estava estava um ponto atrás antes da última partida rápida do dia. No entatnto, Ding Liren quebrou sob pressão assim como Maxime Vachier-Lagrave no outro match do dia, de modo que fomos brindados com duas partidas de Armageddom. O melhor momento  no match foi decisivo, pois Caruana e Ian Nepomniachtchi venceram com as peças pretas.

Tivemos um começo maravilhoso do dia, com ambas partidas apresentando sacrifícios de peças inteiras

Você pode reproduzir todas as partidas do Magnus Carlsen Invitational usando o seletor abaixo (clique no resultado para abrir a partida com a análise de computador):

Isso significou que tanto Fabiano como Ian conquistaram 2 pontos por vencer no Armageddon, enquanto os jogadores derrotados também conseguiram um ponto de consolação por perderem apenas na partida da morte súbita:


Aqui estão os comentários ao vivo do dia, no qual Tania Sachdev se juntou à equipe regular de Peter Svidler, Jan Gustafsson, Lawrence Trent e Alexander Grischuk

Para um resumo da ação do dia, confira o Programa com o GM Pascal Charbonneau e a WGM Raluca Sgircea:

Nepomniachtchi 3:2 Vachier-Lagrave

Ambos os matches começaram como eles terminaram - explosivamente:

Ding Liren logo sacrificou uma torre, enquanto Nepo estava com uma peça inteira a menos após apenas 17 jogadas, mas com uma ótima posição!


Ele ressaltou depois que se ele tivesse jogado 20.Te6! aqui ele nunca poderia estar pior, mas após 20.Tab1 ele piorava sua posição a cada lance, até que era apenas uma questão de quando  MVL venceria. O nº 1 da França perdeu algumas chances ...

…mas ele venceu no final.

Quando perguntaram a Ian sobre a velocidade com que ele estava jogando, ele comentou: "o problema hoje que finalmente descobri é que estou jogando 3 + 2!" O controle de tempo é, naturalmente, 15 + 10, ou seja, 15 minutos por partida com um bônus de 10 segundos após cada lance, e Nepo explicou que, quando desacelera, geralmente é tarde demais para se salvar se sua posição estiver ruim. Quando Alexander Grischuk entrou na transmissão ao vivo, ele também notou a velocidade com que os dois jogadores estavam tomando decisões:

Você não pode nem mostrar nada, explicar, é apenas bam, bam, bam, bam, bam! São 300 batimentos por minuto!

Ele sentiu que tentar comentar era inútil, comparando o xadrez com outro esporte!

Eles comentam o tênis de mesa em tempo real ou apenas esperam o ponto terminar, depois dizem algumas palavras e se preparam para o próximo ponto?

O match realmente foi compatível com a descrição,  já que houve muitas reviravoltas na próxima partida, com o azarado (ou descuidado) MVL não tendo disparado na liderança em 2: 0. Essa partida terminou empatada, assim como o terceira, onde desta vez foi Nepo quem perdeu um nocaute:

53.h4 +! vence depois de 53… Rxg4 54.Txd6! ou 53 ... Rxh4 54.Bf6 +! Dxf6 55.Dxd7, enquanto que depois de 53.Dh8 f3+! que ocorreu na partida,  MVL conseguiu escapar e empatar com um xeque perpétuo.

Isso significava que Nepo tinha que vencer com as peças pretas, mas pela primeira vez ainda ter 15 minutos após 30 jogadas foi muito útil. Ele construiu uma posição vencedora e, em seguida, teve todo o tempo necessário para desviar das armadilhas colocadas por seu oponente em um final complicado. Isso significava Armageddon, mas mal havia começado a partida quando a ruptura 15… e5! na Petroff claramente pegou Maxime desprevenido. Nepo ficou chocado:

Fiquei surpreso que ele não conhecesse essa ideia, porque é muito óbvia ... a ideia principal da linha, caso contrário, as Brancas estariam melhor a troco de nada.

Depois de 16.dxe5 Cxe5 MVL jogou o perdedor 17.Bb5? (17.fxe5 e 18.Bxh7+ em qualquer ordem e as pretas estão melhores, mas a partida continua):


17…Ceg4! e a cravada na coluna e é letal. A partida terminou com 18.Bxe8 Txe8 19.Tf3 Cxe3 20.Te1 Cf5 e Maxime jogou a toalha.

Caruana 3:2 Ding Liren

Como já vimos, o confronto entre os números 2 e 3 do mundo teve um início espetacular, mas os jogadores conseguiram apagar o fogo e empatar. A segunda partida contou com uma chance perdida no meio-jogo…

...e então um daqueles finais curiosos em que um dos lados tem uma dama por um peão, mas ainda é incapaz de forçar uma vitória:

Nigel Short não está sozinho em querer mudar as regras do xadrez para que as Brancas ganhem aqui!

Alexander Grischuk apontou que Ding e Caruana tinham empatado cinco ou seis partidas no evento até esse momento, o que parecia inspirá-los a começar a derramar sangue!

O lance 24.f5!? de Ding produziu talvez a posição mais emocionante do dia:


24…gxf5? 25.Tf4 d4 foi uma ideia brilhante, mas furada. 26.Cb1! era apenas um dos lances que deixavam a dama das Pretas parecendo um tanto idiota:

26… Tc2 27.Txh4 Txd2 28.Cxd2 estaria ganhando para as pretas se elas tivessem um cavalo em f5 se tivessem jogado 24… Cxf5! Da maneira como foi, Fabi teve que lutar por uma compensação, com Grischuk resumindo a posição logo após 26... Dxf4 com: "Basicamente, tudo é ruim para as Brancas ... exceto por ter uma dama extra!"

Essa Dama provou ser suficiente e isso significou que Caruana tinha que vencer a quarta partida para forçar o Armageddon, o que pela maior parte da partida parecia improvável. No entanto, havia mais veneno na posição branca do que parecia, e a última chance de Ding para vencer a partida também se mostrou a última chance de evitar a derrota!


49… Tf6! defende f4 e coloca para as Brancas o problema de como parar Bg5 ganhando a torre h4. A resposta parece ser que você não consegue, embora as brancas ainda tenham compensação após  avançar o peão-d. Em vez disso, depois de 49… Tc3+ 50.Re4! o peão-d deciciu a partida.

Fabiano tinha Pretas na partida de Armageddon e, portanto, 4 minutos contra os 5 de Ding, mas só precisava de um empate. No meio da partida, que parecia difícil, pois Ding estava claramente melhor, mas sua vantagem havia diminuído antes que ele finalmente pendurasse com 36.Db2?


Depois de 36…Txa2! Ding gastou algum tempo antes de abandonar, mas não havia mais maneira de evitar a perda de uma peça, com todas as suas peças atacadas e sobrecarregadas!

Portanto, o resultado final desse caos é que Fabiano Caruana se juntou a Magnus Carlsen na liderança, enquanto MVL e Ding Liren tem que se contentar com o 3º lugar compartilhado com Hikaru Nakamura.


Não poderíamos pedir por matches melhores na quarta-feira, quando o n°1 do mundo Magnus Carlsen enfrenta o n°2 Fabiano Caruana enquanto Alireza Firouzja, medalhista de prata do Campeonato Mundial de Rápidas de 2019, enfrenta o medalhista de bronze Hikaru Nakamura:


 Não perca toda a ação AO VIVO aqui no chess24 a partir das 11:00 de Brasília!

Ver também:


Ordenar por Data Decrescente Data Decrescente Data Crescente Mais Curtido Receber atualizações

Comentários 0

Convidado
Guest 12926688508
 
Entrar no Chess24
  • Grátis, Rápido e Fácil

  • Seja o primeiro a comentar!

Registro
Ou

Crie sua conta gratuita agora para começar!

Ao clicar em "Registrar", você concorda com nossos Termos e condições e confirma que leu nossa Política de privacidade, incluindo a seção sobre o uso de cookies.

Perdeu sua senha? Enviaremos um link para redefini-la!

Depois de enviar este formulário, você receberá um e-mail com o link de redefinição de senha. Se você ainda não consegue acessar sua conta, entre em contato com nosso Atendimento ao Cliente.

Quais recursos você gostaria de ativar?

Respeitamos suas diretrizes de privacidade e proteção de dados. Alguns componentes do nosso site requerem cookies ou armazenamento local que lida com informações pessoais.

Mostrar opções

Hide Options